Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Patrocínio > Últimas Notícias > Professores do IFTM Campus Patrocínio recebem menção honrosa em Colóquio
Início do conteúdo da página
Notícias

Professores do IFTM Campus Patrocínio recebem menção honrosa em Colóquio

III Colóquio de Matemática da Região Sudeste foi realizado na UFU Campus Santa Mônica

  • Por IFTM Campus Patrocínio
  • Publicado em 29/04/2015 às 11:34
  • Última modificação 29/04/2015 às 13:09

O III Colóquio de Matemática da Região Sudeste foi realizado na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), no Campus Santa Mônica, Uberlândia-MG, de 13 a 17 de abril de 2015, tendo como alvo predominante a comunidade de estudantes e professores da Região Sudeste.

O colóquio contou com conferências, minissimpósios, minicursos, apresentação de pôsteres e sessões técnicas em diversas áreas, como Álgebra, Geometria Algébrica e Álgebra Comutativa, Geometria Diferencial, Topologia, Análise Funcional, Equações Diferenciais, Matemática Aplicada, Educação Matemática e Estatística. Foram apresentados 191 trabalhos nessas nove grandes áreas da Matemática, sendo 42 na área de Educação Matemática.

Ao final das apresentações dos trabalhos, a organização do evento concedeu Menções Honrosas aos melhores trabalhos apresentados em cada sessão. O trabalho O Paradoxo de Monty Hall: A matemática abrindo portas, de autoria dos professores do IFTM Campus Patrocínio, Evandro de Ávila e Lara, e Daniel Cintra Cugler, foi premiado na área de Educação Matemática.

O trabalho aborda a solução contraintuitiva que há por trás da tomada de decisão no problema conhecido no Brasil como "O problema das três portas". Essa resolução dar-se-á através de uma simulação do paradoxo por um programa desenvolvido em linguagem Java, que mostra a convergência da probabilidade de levar o prêmio, condicionada à tomada de decisão de mudar de porta, para 66% à medida que o número N de testes realizados aumenta. Assim, espera-se que o leitor seja convencido que a superstição ou a obviedade, tão presentes na resolução do problema, sejam deixadas de lado por princípios básicos de matemática que norteiam o paradoxo.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página