Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Uberaba > Últimas Notícias > IFTM Campus Uberaba completa 63 anos de existência
Início do conteúdo da página
Notícias

IFTM Campus Uberaba completa 63 anos de existência

A Instituição foi fundada no dia 15 de maio de 1953

  • Por IFTM Campus Uberaba
  • Publicado em 14/05/2016 às 22:15
  • Última modificação 16/05/2016 às 20:15
Divulgação
Divulgação
Crédito: Institucional

O Instituto Federal do Triângulo Mineiro Campus Uberaba completa 63 anos de história, amanhã, 15 de maio. Os 63 anos do IFTM Campus Uberaba validam sua reputação e o compromisso de trabalhar em parceria com a comunidade, mostrando que uma Instituição de qualidade atua de forma proativa para melhorar a vida da população em seu entorno.

O atual momento do campus Uberaba é focado nas pessoas como agentes centrais do processo de mudança nas áreas de ensino, extensão, gestão e pesquisa.

A Instituição, atualmente dirigida por Rodrigo Afonso Leitão, possui excelência na área das ciências agrárias promovendo o saber e transferindo conhecimentos adquiridos para a sociedade em uma via de mão dupla.

Atualmente, o IFTM Campus Uberaba localizado na rua João Batista Ribeiro, 4000 – Distrito Industrial II, oferece os cursos técnicos em Administração (integrado ao ensino médio e concomitante), Agropecuária Integrado ao Ensino Médio, Química Concomitante; superior de Bacharelado em Zootecnia; Engenharia Agronômica; Licenciaturas em Química e em Ciências Biológicas e de Tecnologia em Alimentos; pós-graduações lato sensu em Educação Profissional e Tecnológica Aplicada à Gestão de Programas e Projetos de Aprendizagem, Gestão Ambiental e Saneamento Ambiental; pós-graduações stricto sensu em Ciência e Tecnologia de Alimentos e Educação Profissional e Tecnológica e Produção Vegetal, todos na modalidade “profissional”.

Conhecendo um pouco do campus Uberaba

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro Campus Uberaba começou sua trajetória em 1953 com o padre Agostinho Zago que teve como iniciativa a criação de um curso voltado para a formação das famílias.

Em 1955, o Centro de Treinamento em Economia Rural Doméstica é transformado em Escola de Magistério de Economia Rural e Doméstica “Licurgo Leite”  e com o Decreto nº 83.935 de 4 de setembro o Colégio de Economia Doméstica “Doutor Licurgo Leite” é transformado em Escola Agrotécnica Federal de Uberaba (EAFU) que passou em 1982 a ter unidade própria situada na zona rural, sendo conhecida como escola-fazenda.

Em 2002, a EAFU é transformada em Centro Federal de Educação Profissional e Tecnológica (CEFET) e A partir de um processo de expansão das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica, em 2008, com a Lei nº 11.892 de 29 de dezembro, o então CEFET passou a ser conhecido como Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro Campus Uberaba.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página