Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Vinte ideias inovadoras foram apresentadas na I Olimpíada de Inovação do IFTM
Início do conteúdo da página
Notícias

Vinte ideias inovadoras foram apresentadas na I Olimpíada de Inovação do IFTM

Evento aconteceu no Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico e reuniu alunos de diversos campi

  • Por IFTM Reitoria
  • Publicado em 30/09/2016 às 23:38
  • Última modificação 01/10/2016 às 00:00
Participantes e expositores da I Olimpíada de Inovação do IFTM
Participantes e expositores da I Olimpíada de Inovação do IFTM
Crédito: Cinthia Franzin/Comunicação Social e Eventos IFTM

A I Olimpíada de Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro (IFTM) ocorreu sexta-feira, 30/09, no Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico e reuniu alunos de diversos campi.

O evento é uma competição de incentivo ao desenvolvimento de produtos, processos e serviços inovadores para empresas nacionais, promovendo a cultura da inovação e do empreendedorismo.

Foram selecionadas vinte ideias inovadoras desenvolvidas por equipes formadas por alunos e professores do IFTM voltadas para áreas prioritárias de desenvolvimento identificadas no Projeto de Competitividade Industrial Regional (PCIR) conduzido pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG).

A abertura da I Olimpíada de Inovação do IFTM ocorreu às 08h30 e compuseram mesa de honra, o pró-reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do IFTM, Prof.Dr. Humberto Marcondes Estevam, representando o reitor do IFTM; Prof.Ms. José Ricardo Gonçalves Manzan, representando o diretor geral do IFTM Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico; o diretor de Pesquisa e Inovação do IFTM, Prof.Dr. Carlos Antônio Alvarenga Gonçalves; e o vice-presidente da Federação das Indústrias de Minas Gerais (FIEMG) – Regional Vale do Rio Grande, Senhor Alfredo Miranzi Neto.

Em seu pronunciamento, Prof.Dr. Humberto Estevam agradeceu a presença de todos e falou da importância da Olimpíada, não só para o Instituto, como também para a sociedade em geral.

Senhor Alfredo Miranzi Neto reforçou a parceria da FIEMG com o IFTM, enfocando que o instituição pode contar com o apoio da Federação em eventos como esses, que são de grande relevância para a região.

Após abertura, os alunos procederam às apresentações de seus projetos na forma de pôsteres, enquanto comissão de avaliadores percorria e analisava as idéias expostas para posterior julgamento e premiação.

Para os alunos Ana Cláudia de Freitas e Igor Acácio Melo, ambos do curso superior Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Campus Patrocínio, “a Olimpíada de Inovação foi uma iniciativa muito legal do IFTM, incentivando em nós a vontade de empreender. E também pelo fato de estar trazendo aqui empresários para que possamos vender nossas idéias para eles. Nosso trabalho, intitulado ‘A voz da Programação’, visa incluir pessoas com deficiência visual ou motora no âmbito da Programação”.

Para a aluna Mércia da Silva Mesquita, do curso Tecnologia em Alimentos do Campus Uberaba, “o evento representa uma oportunidade de expormos idéias que estavam paradas. Com a Olimpíada, vemos que essas idéias são possíveis, viáveis. É uma chance também de colocarmos em prática os conhecimentos que adquirimos em sala de aula. No nosso projeto, 'Life Fruit', desenvolvemos o néctar de laranja com adição de extrato de Moringa, pois muitas pessoas estão buscando produtos mais saudáveis, e a maioria das empresas não atendem esse mercado consumidor, que está cada dia maior. Assim, pensamos em fazer essa bebida, que possui muitos benefícios, como proteínas e vitaminas, de uma forma viável e sustentável”.

Na parte da tarde, foram realizadas palestras com os temas “Da ideia à chegada ao mercado”, com Victor Hugo Espírito Santo Moreira, da empresa Trackage; e “Incubadora de empresas e a cultura empreendedora”, com Vitor Tomaz Guimarães Naves, da Impulso/Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM).

O coordenador de Inovação Tecnológica do IFTM e um dos organizadores do evento, Watson Rogério de Azevedo, aproveitou a discussão das palestras e destacou aos participantes que, para a inovação, “é preciso estar em contato com as pessoas, com o mercado, fora dos muros da instituição, pois é lá que as coisas acontecem, que as demandas surgem”.

O encerramento da I Olimpíada de Inovação do IFTM deu-se com a premiação das cinco melhores idéias inovadoras de acordo com julgamento de Comissão Avaliadora. Os prêmios foram em dinheiro, distribuídos entre professores-orientadores das pesquisas e alunos, de forma a permitir que se invista na idéia e a desenvolva ainda mais.

Confira os projetos premiados:

- Desenvolvimento de queijo probiótico utilizando cultura de Kefir e especiarias;

- Life Fruit;

- Reconhecimento e tradução de gestos com o Kinect;

- RFSafety;

- Salame funcional natural.

Premiada pelo trabalho “Salame funcional natural”, a aluna Giselle Cristina Alves Pereira, do curso superior Tecnologia em Alimentos do Campus Uberaba, relatou que “a Olimpíada veio para dar um ‘up’ na faculdade, no curso. A gente começou com a idéia, reuniu, estava com vontade de fazer, de dar certo. Fizemos o vídeo de apresentação do trabalho de uma forma bem sincera. Com esse resultado positivo, ficamos motivados a continuar, fazer o produto, ter mais idéias. O apoio dos professores nessa caminhada foi excelente. Foi muito bom”.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página