Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Uberaba > Últimas Notícias > IFTM avança nos trabalhos do rebanho Gir Leiteiro
Início do conteúdo da página
Notícias

IFTM avança nos trabalhos do rebanho Gir Leiteiro

O projeto conduzido pelo setor de bovinocultura do campus Uberaba começa a colher resultados

  • Por IFTM Campus Uberaba
  • Publicado em 03/05/2017 às 15:40
  • Última modificação 04/05/2017 às 08:43
Bezerras produto de FIV IFTM
Bezerras produto de FIV IFTM
Crédito: Cléber Barbosa

O rebanho Gir Leiteiro do IFTM Campus Uberaba até meados de 2012 estava sem perspectivas de melhora, porém agora, anos depois a realidade é outra, graças ao trabalho idealizado pelo médico veterinário Bruno Balduíno Berber Freitas, pelo professor Cléber Barbosa Oliveira e outros servidores do setor de bovinocultura da Instituição.

Desta forma, foi feita uma seleção dos animais que se enquadravam nas características produtivas para o leite e que poderiam ser registrados na Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), como Livro Aberto (LA), e aqueles que possuíam comunicação e árvore genealógica conhecida foram registrados como Puro de Origem (PO).

Após quatro anos de trabalho, o rebanho ainda formação está sendo reformulado com o auxílio de produtores por meio da doação de material genético provenientes das melhores matrizes.

Atualmente, o rebanho do IFTM Campus Uberaba, com 65% dos animais 5/8 ou PS, faz parte do rebanho colaborador de teste progênie da Associação Brasileira de Criadores de Gir Leiteiro (ABCGIL).

“Estamos felizes e parcialmente realizados com o nosso projeto de melhoramento genético do Gir Leiteiro. Felizes por já termos o reconhecimento do que foi feito. E parcialmente realizados, porque ainda temos muito a fazer pela raça e, consequentemente, contribuir com a renovação genética dos animais Girolando”, comenta Cléber Barbosa.

Para Rodrigo Leitão, diretor-geral do campus Uberaba, os resultados obtidos até o momento são frutos de trabalho em equipe. “Contamos com o apoio de produtores de outras fazendo com o fornecimento de material genético para nosso rebanho. Só temos a agradecer”.

“Cada vez mais, o IFTM Campus Uberaba tem se destacado no cenário agropecuário local e regional. Não vamos parar por aqui, estamos sempre em busca de novos parceiros para contribuição mútua no desenvolvimento de atividades de ensino, pesquisa e extensão”, finalizou Leitão.

Com informações da Revista “O Zebu no Brasil”.

Matéria completa nas páginas 36 e 37.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página