Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Patrocínio > Últimas Notícias > Teatro: alunos do Campus Patrocínio participam de atividade de produção de peças teatrais
Início do conteúdo da página
Notícias

Teatro: alunos do Campus Patrocínio participam de atividade de produção de peças teatrais

Alunos do 1º ano do ensino médio criam, produzem e apresentam peças de teatros na disciplina de Língua Portuguesa

  • Por IFTM Campus Patrocínio
  • Publicado em 29/09/2017 às 10:29
  • Última modificação 29/09/2017 às 10:36
Alunos encenam produção própria em atividade da disciplina de Língua Portuguesa.
Alunos encenam produção própria em atividade da disciplina de Língua Portuguesa.
Crédito: Marco Túlio Santana dos Reis

E hoje tem teatro? Tem, sim senhor! Tem alegria!

     As frases acima fazem alusão ao poema Hoje tem Alegria, de Paula Belmino. Neste poema ela retrata a alegria dos espetáculos dos circos. Usei-as para que possamos começar a falar do teatro. Afinal, o circo tem uma tradição que descende diretamente da companhia Mambembe, que com sua trupe, os chamados saltimbancos, iam de cidade em cidade levar diversão e instrução às pessoas. Desta forma, as representações teatrais, sempre despertaram encanto e cumpriram um papel fundamental na sociedade. E no ambiente escolar, são enriquecedoras sob vários aspectos.

    A escola é o ambiente natural, no qual os alunos entram em contato com as linguagens escritas. É, pois, o espaço onde os estudantes devem conviver com diferentes textos, de gêneros variados. Nesta perspectiva, a Língua Portuguesa tem como finalidade capacitar os estudantes para escreverem e interpretarem textos satisfatoriamente.

   Dentre os variados gêneros literários, o texto teatral deve ser destacado no tratamento linguístico diferenciado para a palavra escrita, pois essa é, desde o início, projetada para o palco. Na prática, a adaptação de um texto dramático exige a construção das rubricas para as falas das personagens com as indicações de sentimentos e de comportamentos, assim como para a composição do cenário, para a divisão da peça em atos e para a entrada e a saída das personagens.

  Para especialistas, existem muitas oportunidades de aprendizagem a partir do estudo da linguagem do teatro, considerando desde o conhecimento das especificidades do texto dramático até a atenção à linguagem corporal, inclusive, abordando questões como a adaptação de contos e crônicas — textos de tipologia predominantemente narrativa — para o texto teatral.

  Tudo isto se instaura na imaginação do leitor e prevê uma teatralidade constitutiva, implicando inflexões e modulações de voz; e também variações linguísticas que caracterizam as falas regionais, de épocas, de profissões, até chegarem à montagem do espetáculo a ser exibido. O que promove o desenvolvimento da comunicação verbal, além de aprimorarem a concentração, a entonação e a ampliação do vocabulário.

   No aspecto sociocognitivo, os jogos teatrais ainda favorecem a desinibição, o trabalho coletivo. Estudantes que praticam esta arte tendem a ponderar mais as situações cotidianas, pois percebem que sempre existirá outra maneira de enxergar a mesma coisa. Isto porque, a prática do teatro amplia a capacidade de leitura do mundo e desenvolve a reflexão crítica.

   A auto-observação, a autoanálise, também é obtida mediante a produção teatral, pois, após a apresentação, os alunos são chamados a refletir sobre suas expectativas, experiências e aprendizado no decorrer do trabalho.

   De forma satisfatória, assim se desenvolveu todo o processo de criação, construção e apresentação de diversas peças teatrais pelos alunos dos 1ºs anos do ensino médio integrado ao ensino técnico do IFTM Campus Patrocínio. Meus parabéns e aplausos para todos alunos.  E feliz, mediante os pedidos de “Bis”, encerro com o poema de João Vitor Rocha:

Teatro – A Peça da vida.

A isenção do artista diante dos fatos é uma arte

A imparcialidade do pintor ao traçar um quadro, é mágica.

As invasivas frases do eu – ator, encantam.

Os movimentos no tablado enobrecem e enganam.

Os gestos majestosos brilham no alto.

A plateia atenta, assiste vislumbrada.

Com respeito toda ela observa.

Sentimentos de personagens e atores se confundem.

Aplausos, muitos aplausos!

É a festa do trabalho bem feito.

E ao final, tudo feito com amor e não pelo valor.

E se a plateia exigir BIS, sou feliz!

 

Mirian Christhiane de Menezes

(Professora de Língua Portuguesa e Língua Inglesa – IFTM Campus Patrocínio)

 

Para ver mais fotos, clique aqui.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página