Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Uberlândia Centro > Últimas Notícias > Viagem a São Paulo amplia o olhar de estudantes que estão em formação no curso de Licenciatura em Computação
Início do conteúdo da página
Notícias

Viagem a São Paulo amplia o olhar de estudantes que estão em formação no curso de Licenciatura em Computação

Na capital paulista, o principal momento foi uma visita ao Memorial da Imigração Judaica

  • Por IFTM Campus Uberlândia Centro
  • Publicado em 29/06/2018 às 06:00
  • Última modificação 28/06/2018 às 10:46
Durante visita, estudantes puderam ver réplicas dos barracões onde os judeus eram colocados durante o regime Nazista
Durante visita, estudantes puderam ver réplicas dos barracões onde os judeus eram colocados durante o regime Nazista
Crédito: Divulgação

Uma turma do curso de Licenciatura em Computação, do Campus Uberlândia Centro, teve uma experiência prática marcante esta semana. Esses alunos visitaram a cidade de São Paulo, onde tiveram a chance de conhecer o Memorial da Imigração Judaica e o Memorial do Holocausto. Na visita, que aconteceu no último dia 25, o grupo foi apresentado à história da imigração judaica no Brasil e ouviu sobre aspectos relevantes desse processo, como quais são as regiões que têm mais concentração de judeus no país, quais as principais profissões exercidas pelos judeus e, principalmente, o que motivou a vinda desse povo para o Brasil em cada uma dessas épocas.

Recebidos pelo professor e historiador Reuven Faingold, PhD em História e História do Povo Judeu pela Universidade Hebraica de Jerusalém, o grupo ainda conheceu o Memorial do Holocausto, que foi a experiência mais marcante da visita, uma vez que reproduz como era a vida dos judeus na Alemanha Nazista, quando mais de seis milhões de judeus foram mortos. Há reprodução, por exemplo, dos barracões em que os judeus viviam, o trem que os levavam aos campos de concentração, o uniforme utilizado e a forma de identificação dos judeus nos guetos da Alemanha (cruz amarela de Davi), entre outras obras. 

Para a professora do IFTM Udicenrto Maria de Lourdes Ribeiro Gaspar, responsável por organizar a viagem, esse tipo de atividade contribui para uma formação mais ampla do futuro professor, sobretudo nos aspectos sociais e culturais. “Em um curso de formação de professores, experiências como essa são essenciais para se formar para a cultura geral, pois a educação está além de saber transmitir conteúdos específicos, precisa pensar a vida humana em todos os seus aspectos construtivos”, afirma.

Outras paradas em São Paulo

Durante a viagem, que teve duração de dois dias, os estudantes também tiveram a chance de conhecer o Mercardo Municipal da cidade e ainda de visitar a Pinacoteca de São Paulo. Nesse espaço, segundo a professora Maria de Lourdes, a visita foi livre e os estudantes puderam interagir com as obras conforme suas expectativas. 

“Foram várias experiências sensoriais. Vimos obras modernistas e clássicas, esculturas, pinturas e desenhos. Apreciamos obras clássicas de artista consagrados como: Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Alfredo Volpi, Iberê Camargo, Ismael Neri que fazem parte do acervo permanente em uma das salas da Pinacoteca. E exposições que estão acontecendo atualmente. Pude sentir que a arte tem o poder de sensibilizar todo ser humano e talvez tenha a função de humanizar-nos. Diante de um mundo tão tecnológico, de coisas tão prontas, senti que os estudantes tiveram a chance de se conhecer e se reconhecerem como pessoas”.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página