Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Cerimônia de encerramento do projeto LAPASSION ocorreu dia 22 de maio na reitoria do IFTM
Início do conteúdo da página
Notícias

Cerimônia de encerramento do projeto LAPASSION ocorreu dia 22 de maio na reitoria do IFTM

Em formato de pitchs, alunos participantes do projeto apresentaram suas ideias e expuseram seus protótipos

  • Por IFTM Reitoria
  • Publicado em 27/05/2019 às 15:00
  • Última modificação 27/05/2019 às 16:53
Integrantes do projeto LAPASSION Edição Uberaba ao final da cerimônia de encerramento na reitoria do IFTM
Integrantes do projeto LAPASSION Edição Uberaba ao final da cerimônia de encerramento na reitoria do IFTM
Crédito: Diretoria de Comunicação Social e Eventos (DCSE) do IFTM

Na manhã do dia 22 de maio, na reitoria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro (IFTM), ocorreu a cerimônia de encerramento do projeto LAPASSION (Práticas Latino-Americanas e Soft Skills para uma Rede Orientada para a Inovação) Edição Uberaba, que este ano foi realizado no IFTM Campus Uberaba.

Estiveram presentes o reitor e vice-reitor do IFTM, Professor Doutor Roberto Gil Rodrigues Almeida e Professor Doutor José Antônio Bessa, respectivamente, além de pró-reitores, diretores, coordenadores e professores da instituição envolvidos no projeto, com destaque para a Professora Mestra Juliana Vilela Alves, coordenadora geral do Centro de Idiomas e Relações Internacionais do IFTM e coordenadora do projeto LAPASSION na instituição, e para o Professor Doutor Robson Thomaz Thuler, coordenador geral de Pós-graduação do IFTM e coordenador do LAPASSION no Campus Uberaba.

Também compareceram à cerimônia, autoridades de outras instituições brasileiras e estrangeiras participantes do LAPASSION: Professor Doutor Ruberley Rodrigues de Souza, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), representando o reitor do IFG; Professor Doutor Marcelo Escobar de Oliveira, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG); Professor Doutor Luiz Faria, do Instituto Politécnico do Porto (IPP/Portugal), representando o coordenador geral do projeto, Professor Doutor Carlos Ramos; Professor Doutor Oswaldo Garcia Crespo, da Universidade do VIGO (UVIGO/Espanha); e Fabián Capdevielle, da Universidade Técnica do Uruguai (UTEC).

Representantes das empresas parceiras Doces Joaninha, de Araxá/MG; Laticínios Taquari, de Santa Juliana/MG; Bem Brasil, de Araxá/MG; e BRF Brasil Foods, de Jundiaí/SP também marcaram presença.

Luiz Faria, em seu discurso, destacou que a experiência do LAPASSION em Uberaba foi muito positiva. “Não pensei que pudéssemos chegar no nível de desenvolvimento que chegamos nos projetos tal como foi possível nesta edição. Inicialmente, eu pensei que os projetos fossem ficar mais nas idéias, mas vocês foram capazes de ir além disso, e chegar a protótipos, e protótipos que correspondem a soluções do mundo real”.

Roberto Gil agradeceu a todos os envolvidos e ressaltou o papel dos Institutos Federais no país. “Se isso hoje acontece, é fruto do trabalho de um grupo. Confesso a vocês que estou muito satisfeito. Nesses meus 7 anos de mandato, nós sempre procuramos trilhar esse caminho, de oportunidades, de trazer as empresas, de fazer a junção entre sociedade, empresa, escola, mercado de trabalho, tudo em função da melhoria da qualidade de vida das pessoas. Aqui hoje pudemos ver o quanto os Institutos Federais têm a contribuir com nosso país”.

Isabela Navarro Barbosa, Gerente de Qualidade e Meio Ambiente e Responsável Técnico da Bem Brasil Alimentos reforçou a importância desse tipo de parceria entre empresas e instituições de ensino. “Ficamos muito felizes quando recebemos o convite e aceitamos de primeira. Já é uma prática da nossa empresa fazer parcerias com instituições e universidades porque nós acreditamos ser um caminho importante para soluções inovadoras, para desenvolver jovens mais preparados para o mercado de trabalho, para o avanço da pesquisa a favor de empreendedores e da sociedade. Nós ficamos surpresos com a pró-atividade e o engajamento de todos os alunos da nossa equipe. São jovens com vontade de aprender e de vencer, de resolver os problemas do mundo real. Isso vai ao encontro do que pensamos na nossa empresa e acreditamos que o mercado de trabalho precisa de jovens desse estilo”.

Na cerimônia, os alunos participantes do LAPASSION apresentaram, em formato de pitchs, os desafios que lhes foram impostos pelas empresas parceiras e as soluções inovadoras a que chegaram após 10 semanas de estudo, pesquisa, trabalho e dedicação. Os protótipos desenvolvidos foram expostos e dúvidas puderam ser tiradas.

Em depoimentos, os alunos registraram sua alegria e satisfação em fazer parte das equipes do projeto. Relataram que o LAPASSION foi uma oportunidade de crescimento profissional e pessoal, na qual diversas habilidades puderam ser desenvolvidas, como pensamento crítico, pró-atividade, comunicação e liderança.

Sobre o LAPASSION

O LAPASSION (Latin America Practices and Soft Skills for na Innovation Oriented  Network) é um projeto do Programa Erasmus+ com financiamento aprovado na União Europeia e da Iniciativa de Reforço de Capacidades para Instituições de Ensino Superior geridas através da Agência Executiva Educativa, Audiovisual e Cultural (EACEA). Envolve parceiros de Portugal, Finlândia, Espanha, Brasil, Uruguai e Chile.

O consórcio LAPASSION tem como motivação criar uma solução única para abordar diferentes problemas que afetam a juventude nas Instituições de Ensino Superior (IES), ajudando os alunos a obter uma melhor formação em termos de inovação, habilidades técnicas e internacionalização.  

É lançado desafios para grupos multidisciplinares de estudantes para a criação e o desenvolvimento de soluções inovadoras ou protótipos para que se tem um impacto no emprego, criatividade, produtividade, inovação e pensamento global das organizações e indivíduos envolvidos no processo.

Sobre o LAPASSION Edição Uberaba

Durante 10 semanas, 24 alunos, entre eles brasileiros e estrangeiros, das instituições IFTM, Instituto Federal de Goiás (IFG), Instituto Politénico do Porto (IPP/Portugal), Universidad Tecnológica del Uruguay (UTEC/Uruguai) e Universidad de Salamanca (USAL/Espanha) participaram do intercâmbio multidisciplinar, no qual desenvolveram diversas atividades nas áreas de empreendedorismo e administração, orientados por 16 professores do IFTM Campus Uberaba e IFTM Campus Uberaba Parque Tecnológico.

A edição contou ainda com a parceria de 4 empresas do ramo alimentício: Doces Joaninha, de Araxá/MG; Laticínios Taquari, de Santa Juliana/MG; Bem Brasil, de Araxá/MG; e BR Foods, de Jundiaí/SP.

Em 2020, o projeto será realizado no IFG, em Goiânia.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página