Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > IFTM Campus Uberaba > Últimas Notícias > Certificação dos concluintes do curso Técnico integrado em agropecuária
Início do conteúdo da página
Notícias

Certificação dos concluintes do curso Técnico integrado em agropecuária

A cerimônia solene aconteceu na última sexta-feira

  • Por IFTM Campus Uberaba
  • Publicado em 20/12/2016 às 09:35
  • Última modificação 20/12/2016 às 09:35
Solenidade pública de certificação - Técnico em agropecuária integrado ao ensino médio
Solenidade pública de certificação - Técnico em agropecuária integrado ao ensino médio
Crédito: Cláudia Vicente

Aconteceu na última sexta-feira, 16 de dezembro, a cerimônia de certificação dos concluintes do curso Técnico em agropecuária integrado ao ensino médio.

A turma de formandos recebeu o nome do professor Joaquim Martins Parreira Filho, que esteve à mesa juntamente com a paraninfa da turma, professora Marvile Palis Costa Oliveira e o professor José Henrique Bizinoto, patrono da turma; também compôs a mesa o professor Hamilton César de Oliveira Charlo, representando, neste ato, a direção geral do Campus Uberaba.

Estiveram presentes na solenidade as professoras homenageadas Loraine Vidigal Lisboa e Tamara Aparecida Lourenço, além de outros professores que lecionaram para a turma formanda.

 Em seu discurso, o professor Hamilton César de Oliveira Charlo enalteceu a conquista dos estudantes, consubstanciada na conclusão do curso técnico simultaneamente ao ensino médio, pelo que estão tecnicamente preparados para o exercício profissional, não se olvidando da formação humana. O professor encerrou sua fala, desejando sucesso pessoal e profissional, pois que os concluintes já são vencedores e não podem desistir à primeira barreira.

A paraninfa professora Marvile Palis Costa Oliveira, em sua prolação, falou da função de paraninfo, cujo mister remonta à época medieval, nas primeiras instituições de ensino, cabendo-lhe a missão de felicitar, acompanhar e proteger os formandos, demonstrando que a primeira tarefa não lhe seria sofrível, vez que o momento assim era oportuno e, pelo convívio com os estudantes, os professores renovam sua esperança na educação brasileira. Para os outros dois afazeres, isto é, acompanhar e proteger os formandos, a paraninfa se colocou à disposição para que possam os concluintes recorrer a seu auxílio, sempre que assim precisarem, no tocante à disciplina por ela ministrada, quer seja: a Música. Segundo a professora, uma das funções da música e das artes em geral é tornar a pessoa mais sensível, mais humana, e, neste sentido, a Música protegerá os concluintes, podendo eles recorrer a ela nos momentos alegres, tristes... momentos de solidão, de celebração.

Ao final, os concluintes receberam os cumprimentos dos professores, parentes, colegas e amigos.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página