Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas Notícias > Encerrada a edição 2019 do “IFTM Itinerante”
Início do conteúdo da página
Notícias

Encerrada a edição 2019 do “IFTM Itinerante”

Projeto de extensão levou diversas atividades para cidades da região do Triângulo Mineiro durante férias escolares

  • Por IFTM Reitoria
  • Publicado em 23/07/2019 às 10:00
  • Última modificação 26/07/2019 às 09:58
Itinerantes no município de Conquista durante a realização da edição 2019 do projeto de extensão
Itinerantes no município de Conquista durante a realização da edição 2019 do projeto de extensão "IFTM Itinerante"
Crédito: Diretoria de Comunicação Social e Eventos - DCSE - do IFTM

De 12 a 21 de julho, ocorreu a edição 2019 do projeto de extensão “IFTM Itinerante” do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro (IFTM). Durante o período de férias escolares, as cidades de Campo Florido, Conquista, Ibiá e Sacramento receberam diversas atividades como palestras, oficinas, sessões de cinema, shows de talentos e gincanas realizadas por equipes de alunos e servidores do IFTM selecionados em editais da instituição.

As ações foram realizadas em vários pontos das cidades, como praças, órgãos públicos, teatros e bibliotecas, ginásios e contou com o apoio das respectivas prefeituras municipais.

O projeto em Campo Florido foi coordenado pelo IFTM Campus Uberlândia e objetivou trabalhar com hortas destinadas a escolas, que foi uma demanda específica do município, além de trabalhar com alunos do ensino fundamental. Também ocorreram atividades desenvolvidas para atender idosos e pessoas que ficam em casas de repouso, oficinas sobre reaproveitamento de alimentos/produtos descartados no dia a dia, confecções de bolos para cantineiras, melhores práticas de produção de merendas. Ainda, foi promovida a parte recreativa por meio da realização de colônia de férias.

Em Conquista, as ações propostas também pelo IFTM Campus Uberlândia receberam o nome de “Minas é Mais” e ofereceram oficinas de hortas, boas práticas na manipulação de alimentos, desenvolvimento de receitas com merendeiras, além de diversas atividades com crianças, como gincanas. À noite, foram realizadas palestras sobre empreendedorismo, relações interpessoais e também palestras com produtores rurais. Para fechamento, ocorreu mostra de fotografia, festival gastronômico e show de talentos.

Já em Ibiá, mais especificamente no Quilombo de Ambrósio, o IFTM Campus Patos de Minas contemplou 3 eixos de atuação: educação, cultura e meio-ambiente. No eixo educação, foi realizado, por alunos do curso de Eletrotécnica do campus, o projeto “Eletroinstala”, no qual foram feitas reformas elétricas de duas residências da comunidade. No eixo cultura, foi trabalhado o resgate de memória por meio de depoimentos e contação de estórias dos moradores da região, trazendo à tona a identidade dos antepassados do Quilombo. Já em relação à temática meio ambiente, foi promovida conscientização alimentar e ambiental através de coleta de lixo na comunidade e plantio de horta comunitária nas escolas.

A cidade de Sacramento recebeu o projeto “Construir – Conectar – Fortalecer: oficinas para o trabalho em rede no município de Sacramento” do IFTM Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico. Aqui em Sacramento, o projeto trouxe oficinas voltadas para duas temáticas principais: inclusão e tecnologia. Na temática de inclusão, foram realizadas oficinas que trouxeram o processo de inclusão para o convívio de uma forma natural, por meio de jogos, por exemplo. Também foram promovidas oficinas de LIBRAS e de esportes adaptados. Na área de tecnologia, aconteceram oficinas voltadas para adolescentes, professores e terceira idade, como a construção de óculos virtual de simples manuseio, produção de cinema por meio de desenhos e “massinhas” – Stop Motion – e o relato de estórias e memórias do município.

Para o aluno Rodrigo Marques Vidigal, do terceiro período do curso de Engenharia Agronômica do IFTM Campus Uberlândia, “ o ‘IFTM Itinerante’ nos engrandece e, com certeza, quem passou por ele, teve um choque de realidade. Nos primeiros dias nos emocionamos muito. Viemos para oferecer aquilo que é o mais simples, mas que muitas vezes nos esquecemos, que é atenção, brincar com as crianças, alegrar e de certa forma, ensinar. Mas com esse projeto, quem mais aprendeu, fomos nós”.

A intérprete de LIBRAS do IFTM Campus Avançado Uberaba Parque Tecnológico, Marina Vallin, relatou que é a segunda vez que participa do projeto e que é sempre uma alegria estar em equipe e trabalhar com tanto empenho e dedicação. “Isso nos fortalece ainda mais para que, nos próximos anos, possamos trazer outras oportunidades, outras temáticas de trabalho. Lembrando que cada município é um, tem suas demandas. Mas independente disso, crescemos a cada momento”. Marina coordenou diversas atividades esse ano no município de Sacramento.

A professora Eleide Leile de Andrade Paiva, do IFTM Campus Patos de Minas, destacou a importância do “IFTM Itinerante” para as comunidades que o receberam, em especial, para a comunidade de Ibiá, onde a professora atuou. “A comunidade se sentiu ouvida nas suas necessidades, se sentiu valorizada. O trabalho voluntário é um trabalho que permite que você busque a necessidade de quem está sendo atendido. O trabalho, por exemplo, do Eletroinstala é um trabalho que eles não teriam acesso se não fosse a atuação do ‘IFTM Itinerante’”.

Ângelo Domingos Guardieiro, servidor público da Prefeitura Municipal de Conquista, ficou muito satisfeito com a participação da cidade pela primeira vez no “IFTM Itinerante”. “Nunca tinha ocorrido aqui um projeto como esse, de uma semana de duração. O projeto é como um imã. Ele tem o poder de atrair as pessoas. E foi isso que aconteceu aqui em Conquista. Achamos que a participação da cidade foi muito proveitosa. Acredito que devemos nos candidatar novamente no ano que vem para tentarmos então trazer o ‘IFTM Itinerante’ para atuar em outras áreas que a prefeitura julgar necessárias”.

Sirlene Rodrigues Silva, professora de Redação do município de Campo Florido, também relatou o sucesso do “IFTM Itinerante” 2019. “Campo Florido ganhou muito com esse projeto. Em relação às crianças, elas interagiram muito bem com a colônia de férias. Posso garantir que foi um sucesso. A participação da comunidade também foi muito boa, pois dessa participação, estão saindo profissionais, pessoas que estão ganhando vida, confeitando bolos, fazendo salgados para festas, reaproveitando alimentos e evitando desperdícios. Eu acredito que o ano que vem o sucesso vai ser dobrado”.

Sobre o “IFTM Itinerante”

O “IFTM Itinerante” foi inspirado no Projeto Rondon, do Ministério da Defesa, e tem como propósito estabelecer um diálogo entre o IFTM e a comunidade, atendendo a municípios das áreas de abrangência dos campi da instituição, por meio de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável, qualificação da população local e a formação cidadã e profissional dos alunos envolvidos.

Dentre os objetivos do projeto destacam-se: proporcionar o diálogo entre o IFTM e as comunidades locais; promover a integração social a partir da participação voluntária dos estudantes e servidores com as comunidades de cidades circunscritas à área de abrangência do IFTM; buscar soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável local e ampliem o bem-estar da população; capacitar e socializar o conhecimento gerado na instituição com as comunidades, valorizando os saberes populares locais; e estimular os estudantes a empreender projetos coletivos locais.

Em sua 3ª edição este ano, o “IFTM Itinerante” iniciou suas operações em 2017, na cidade de Guimarânia. Em 2018, contemplou os municípios de Campo Florido e Ituiutaba e também ganhou versão internacional, promovendo integração entre Brasil e Colômbia.



Assunto(s):
Fim do conteúdo da página